Mirtes
Um anjo vem todas as noites:
senta-se ao pé de mim, e passa
sobre meu coração a asa mansa,
como se fosse meu melhor amigo.

Esse fantasma que chega e me abraça
(asas cobrindo a ferida do flanco)
é todo o amor que resta
entre ti e mim, e está comigo.

Lya Luft
Fonte Imagem: recados.hlera.com.br
Marcadores: 1 comentários | Links para esta postagem | edit post
Reações: 
Mirtes
Deixe-me ficar juntinho de você...
Deixe-me pousar minhas mãos
sob as suas,
num ato de encorajamento...
Deixe-me olhar nos teus olhos...
Deixe-me descobrir o segredo do amor...
Deixe-me abraça-lo... beijar seus lábios maravilhosamente delineados...
Deixe-me caminhar ao seu lado,
por toda a nossa vida...
Deixe-me sofrer com você,
sorrir com você,
amar com você...
Deixe-me fazê-lo forte
nos seus momentos de fraqueza...
Deixe-me amar-te por inteiro, sem dimensões...
Deixe-me acariciar teu rosto querido...
Deixe-me partilhar contigo o mesmo teto,
Deixe-me nutrir com o teu amor...
Deixe-me viver contigo para sempre...
Deixe-me mostrar como sou,
quem sabe assim você me aceite?
Sabe...
Eu te amo, de verdade!
Sem desconfiança,
sem deixar de ser leal contigo.
Nunca deixarei que esse sentimento maravilhoso chamado amor
se apague do meu coração...
Sim! Porque a chama do amor
estará sempre acesa dentro da gente,
no nosso íntimo,
no nosso peito.
Amo-te!

Fonte: wsapaixonados.loveblog.com.br
Marcadores: 0 comentários | Links para esta postagem | edit post
Reações: 
Mirtes
Deixa que minha mão errante adentre
atrás, na frente, em cima, em baixo, entre

Minha América, minha terra à vista
Reino de paz se um homem só a conquista

Minha mina preciosa, meu império
Feliz de quem penetre o teu mistério

Liberto-me ficando teu escravo
Onde cai minha mão, meu selo gravo

Nudez total: todo prazer provém do corpo
(Como a alma sem corpo) sem vestes

Como encadernação vistosa
Feita para iletrados, a mulher se enfeita

Mas ela é um livro místico e somente
A alguns a que tal graça se consente
É dado lê-la

Augusto de Campos / Péricles Cavalcanti
Mirtes
Vai que já não dá mais pra voltar atrás
Cai que é pra depois se levantar pra mais
Sai que ás vezes não é pra entrar em paz
Ai, amor não pode faltar

Não se esqueça nunca de lembrar
Sempre tão só o quanto se puder estar
Pois solidão é sol que ainda vai brilhar
E novamente vai te iluminar

Sem repetir nenhum lugar…pois é…
A vida vem repartir nosso luar com fé
Bem que podia não findar, não é?
Nem desistir, nem se cansar

Sim, eu prefiro não calar
Sobre mim, sobre você e o nosso lar
Mas se é o fim do caminho de um sonhar
Assim será
E é bem melhor acordar

Paulinho Moska
Mirtes
Vencer os outros
não chega a ser
uma grande vitória.
Vitorioso
é aquele que consegue
vencer a si mesmo
combatendo seus vícios
e controlando suas paixões.
A vitória sobre nós mesmos
é muito mais difícil.
Ela requer mais coragem
mais disciplina e mais decisão.
Se você
não conseguir na primeira vez
tente de novo.
O simples fato de tentar de novo
já será sua primeira vitória.

Por/Ismenia
Fonte: artesgeral.arteblog.com.br
Mirtes
Eu pensei em lhe falar
Quase fui lhe procurar
Mas evitei, e aqui fiquei
Sofrendo tanto a esperar

Que um dia você por fim
Talvez voltasse para mim
Mas me enganei, então eu vi
O longo tempo que perdi

E agora, eu não sei mais por que
Não consigo lhe esquecer
Eu quero lhe pedir para deixar
Pelo menos, lhe encontrar pra dizer

Que errei
Mas se você me aceitar
Vou prometer
Recomeçar um grande amor
Que por tão pouco acabou

Getúlio Cortes